URGENTE

RIO BRILHANTE: Homem compra maconha e skank na fronteira por R$ 2 mil e é preso pela PRF na 163

Publicados
















Por: Olimar Gamarra

db4b97eb-eb0b-4247-91d8-cd90a7c29a9d

Imagens divulgação PRF

Um homem de 28 anos morador em São Bernardo do Campo -SP, foi preso na manha desta quarta-feira (13),com 55kg de maconha escondidos no assoalho de um veículo Ford/Fiesta de cor vermelha. O flagrante ocorreu por volta das 10h40min na BR 163 em Rio Brilhante.

De acordo com a ocorrência, policiais rodoviários federais,realizavam fiscalização em frente ao posto e deram ordem de parada ao veiculo sedan. Ao ser entrevistado o condutor identificado pelo nome, Rafael Jesus Lira, disse ser motorista de Uber e que teria levado um passageiro da cidade de São Paulo/SP ao município fronteiriço de Ponta Porã/MS. Porem durante abordagem foi observado que o homem estava muito agitado e nervoso e ao realizar uma busca minuciosa no veiculo foi encontrado no assoalho do na parte traseira e no porta malas, 55 kg de maconha distribuído em tabletes, alem de pacotes transparentes com a super-maconha, skank.

Questionado sobre a droga o suspeito afirmou que a droga era de sua propriedade tendo comprado em Ponta Porã/MS, e que levaria o entorpecente até a cidade de São Bernardo do Campo/SP onde venderia aquele entorpecente no bairro onde mora, disse ainda que pagou pelo entorpecente a quantia de R$ 2.000,00, e que o veiculo é alugado, apresentando contrato de locação.

Leia Também:  RIO BRILHANTE: S10 roubada em São Paulo é recuperada pela PRF na BR 163

172256b7-7f46-4f95-9e24-07491bf403a5

O motorista, carro e a droga alem de um aparelho celular e R$ 368,00 (trezentos e sessenta e oito reais) em espécie foram encaminhados a delegacia de polícia civil de Rio Brilhante para as devidas providencias.

O QUE É? 

Skank (também conhecida como supermaconha) é uma droga mais potente que a maconha, ambas são retiradas da espécie Cannabis sativa e, por esse motivo, possuem em suas composições o mesmo princípio ativo – THC (Tetra-hidro-canabinol).

Segundo estudos, no skank há um índice de THC sete vezes maior que na maconha.

 

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

MAIS LIDAS DA SEMANA