URGENTE

EM FIM PRESO

Polícia prende homem que se masturbava para mulheres em Rio Brilhante

Diante dos fatos a autoridade policial representado pelo delegado de Policia Civil Rômulo Marcelo, representou pela prisão preventiva do suspeito de 42 anos identificado como C.E.D, que após ser deferida judicialmente sua prisão foi cumprida nesta quarta-feira dia 01 de setembro do ano 2021.

Publicados
















A Polícia Civil de Rio Brilhante tomou ciência que havia um homem desconhecido que permanecia em um terreno baldio localizado em via pública movimentada no centro da cidade e que estaria importunando mulheres que trafegavam por este local.

Segundo apurado, este homem chamava as mulheres, despia-se e passava a se masturbar olhando para elas, além de proferir diversas palavras com linguagem sexual.

O fato gerou bastante repercussão nas redes sociais onde varias vitimas relatavam o ocorrido, o caso gerou terror nas mulheres da pacata cidade do interior do Mato Grosso do Sul, nas mídias sociais todas as mulheres e internautas pediam providencias dos órgãos de segurança, que deram a respostas do caso depois de investigações.

Diante disto, o Setor de Investigação Geral “S.I.G” da Policia Civil de Rio Brilhante  passou a realizar um trabalho investigativo, identificando e qualificando o suspeito, o qual foi reconhecido pela vítima, bem como localizando outras mulheres que haviam sofrido o ataque do homem.

Diante dos fatos a autoridade policial representado pelo delegado de Policia Civil Rômulo Marcelo, representou pela prisão preventiva do suspeito de 42 anos identificado como C.E.D, que após ser deferida judicialmente sua prisão foi cumprida nesta quarta-feira dia 01 de setembro do ano 2021.

Leia Também:  Vereador Gamarra pede asfalto da Rua Cerciliano Vilares na Vila Nova Esperança

O preso é suspeito da prática de pelo menos 15 crimes de importunação sexual e aguardará o processo penal preso, o mesmo deve ser encaminhado ao presidio masculino de Rio Brilhante.

Na oportunidade, o Delegado de Polícia Rômulo Marcelo solicita que outras mulheres que tenham sofrido o ataque do homem procurem a delegacia para que se promova a justiça devida.

C.E.D de 42 anos acusado por importunação sexual, as vitimas chega mais de 15

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MAIS LIDAS DA SEMANA