URGENTE

BALANÇO DOS PRIMEIROS DIAS

Secretaria Municipal de Saúde faz balanço dos dez primeiros dias de 2021

A Vigilância Sanitária prossegue as ações de fiscalizar e evitar aglomerações no comércio, principalmente de noite nos restaurantes, lanchonetes e na praça central. Também será disponibilizada uma equipe para prestar orientações à população, informando sobre atos de higiene e aglomerações, para evitar o aumento dos casos de coronavírus.

Publicados
















A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa a população rio-brilhantense que mesmo com a transição político-administrativa, as ações não foram prejudicadas e tiveram continuidade no que diz respeito à questão da pandemia provocada pelo novo coronavírus.

De acordo com Alini de Oliveira, enfermeira e atual Secretária de Saúde, desde o dia 01 de janeiro, os atendimentos vêm sendo realizados no Hospital Associação Beneficente de Rio Brilhante e no Centro de Atendimento que esta funcionando no ESF Carlos Volpe. O monitoramento vem funcionando normalmente, bem como as ações de fiscalização da Vigilância Sanitária.

O Dr. Cleo Rodrigues Rossati, médico especialista em saúde da família e atual Gerente da Vigilância Sanitária afirmou que o Decreto Estadual do Governo do Estado que esta vigente foi prorrogado por mais 15 dias, à partir do dia 10 de janeiro com o toque de recolher no período das 22h até às 5h da manhã. Isso ocorreu devido ao aumento exponencial do número de casos de covid-19 no início do ano.

Segundo os dados do boletim epidemiológico, foram 97 novos casos de covid-19 em Rio Brilhante nos primeiros 10 dias do ano. Tivemos também 321 atendimentos médicos e 186 coletas de swab nasofaringe. Um número alto decorrente das últimas semanas de 2020, do período eleitoral e do relaxamento da população quanto às ações preventivas, medidas de segurança como o uso de máscara, distanciamento social, aglomerações e festas de fim de ano. Foi um número crescente, reflexo das ações da população.

Leia Também:  RIO BRILHANTE: PM e AGETRAT intensificarão ações no trânsito da cidade

Seguindo uma nova diretriz de trabalho, a secretaria tomará medidas concentradas em minimizar os danos à população e diminuir o número de casos, sobretudo com a conscientização da população em relação às medidas de segurança. “Estaremos em reunião com o comitê de enfrentamento de crise para traçar novas metas, novas ações de segurança em parceria com a Vigilância Sanitária, Polícia Militar e demais órgãos competentes”, afirmou a secretária Alini.

Foi também criada uma fan page da SMS no Facebook para comunicação referente ao enfrentamento do COVID-19, ações de combate à dengue e todas demais informações relacionadas à saúde do município.

O Boletim epidemiológico diário foi atualizado com novo modelo e esta sendo publicado diariamente nas redes sociais da Prefeitura Municipal e sites local.

A Vigilância Sanitária prossegue as ações de fiscalizar e evitar aglomerações no comércio, principalmente de noite nos restaurantes, lanchonetes e na praça central. Também será disponibilizada uma equipe para prestar orientações à população, informando sobre atos de higiene e aglomerações, para evitar o aumento dos casos de coronavírus.

Leia Também:  Atendente de loja cai no golpe do troco em Rio Brilhante

Sobre o aumento de número de casos de dengue no município, tanto quanto o covid-19, é necessário o apoio e cuidados da população para fazer esse combate. Foram 5 novos casos positivos somente na primeira semana do ano. É importante ressaltar sobre a limpeza dos terrenos e evitar água parada.

“Estamos no verão, num período chuvoso e que pode aumentar muito os casos de dengue”.

Afirmou o Gerente da Vigilância.

Alini de Oliveira, Secretária de Saúde é graduada em enfermagem, especialista em enfermagem do trabalho, gestão em saúde pública, enfermagem obstétrica e ginecológica. É Funcionária efetiva desde 2011 no setor de administrativo e já trabalhou na administração do Hospital de Rio Brilhante e nas Unidades Básicas de Saúde.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MAIS LIDAS DA SEMANA