URGENTE

PRESO SEGUNDO SUSPEITO

RIO BRILHANTE: Polícia Civil prende segundo envolvido em morte de moto entregador

Samuel, 22 anos, estava prestes a se casar. Durante o dia era representante de um empresa de bebidas e a noite continuava trabalhando como moto entregador para uma lanchonete da cidade. Estava indo exatamente para uma entrega no bairro Antônia de Souza Barbosa quando foi atingido pelo Veículo Toyota Corolla.

Publicados
















Fotos Olimar Gamarra e Maikon Jr

A Polícia Civil de Rio Brilhante prendeu na manhã desta quarta-feira (23) o motorista de um veículo HB 20 que estaria em disputa de racha com Corolla na noite do último sábado dia 19 de junho na rua Prefeito Theofanes na saída para Maracaju em Rio Brilhante.

A batida do Corolla com a motocicleta Honda Biz resultou na morte do jovem moto entregador Samuel Pompilio Bernardino dos Santos (22).

Em entrevista o delegado do caso, Alexandre Neves, informou que a prisão de Rony Rafael do Nascimento (33) se deu na manhã desta quarta-feira ao se apresentar na delegacia de Polícia Civil acompanhado de advogado. Como já estava com a prisão preventiva decretada, o homem acabou detido. Segundo Alexandre, Rony permaneceu em silencio durante interrogatório.

Flaviano Macena de Oliveira (26) que era o motorista do Corolla já estava preso desde o dia do acidente após ele ser reprovado no teste de alcoolemia, cujo resultado foi 0.44 ml/g. O carro invadiu a pista contaria e atingiu a moto e só parou cerca de 100 metros depois de derrubar um poste de iluminação pública e uma arvore.

De acordo com o delegado, os dois presos respondem por homicídio com dolo eventual, quando se assume o risco de produzir a morte, além da disputa de velocidade com veículo automotor em via pública, conhecido como racha.

delegado do caso, Alexandre Neves, Foto: Olimar Gamarra

‘’Desde o primeiro momento já entendi que não se tratava de uma morte acidental. Ainda não concluímos o inquérito, devemos finalizar até semana que vem, mas já ouvimos várias pessoas, estamos com imagens de câmeras de segurança da região que mostram a velocidade que os carros passam na rua pouco antes da batida’’.

Leia Também:  Identificado motorista que morreu em acidente na BR 267 em Nova Alvorada do Sul.

Questionado sobre o que Flaviano teria alegado durante depoimento, Alexandre diz que ele confirmou que disputava velocidade com o motorista do HB 20. Com relação a batida ele disse que a moto transitava com farol apagado por isso não viu sua aproximação. Porem segundo o delegado essa hipótese foi desmentida durante a investigação.

‘’ A moto estava com farol aceso no momento do acidente’’,

diz a autoridade policial.

Alexandre ressalta ainda que:

pela embriaguez, alta velocidade, racha, circunstâncias que permitiram a conclusão de que os motoristas agiram com dolo, assumindo o risco de provocar a morte.

‘’ Em um trecho de pista em boas condições e bem iluminada não tendo outro motivo para o condutor não ver a aproximação da moto a não ser, e pela embriaguez, alta velocidade, racha, circunstâncias que permitiram a conclusão de que os motoristas agiram com dolo, assumindo o risco de provocar a morte’’.

Com relação ao trajeto dos carros o delegado diz que a informação que a Polícia tem é que saíram de Maracaju onde os motoristas teriam feito uso de bebida alcoólica durante o sábado e retornavam para Rio Brilhante onde moravam.

Leia Também:  ÁGUIA NEGRA ENCERRA PREPARAÇÃO PARA JOGO MAIS IMPORTANTE DO ESTADUAL CONTRA A SERC

A Polícia Civil aguarda agora laudos periciais do local e do IML para concluir o inquérito.

A MORTE

Samuel, 22 anos, estava prestes a se casar. Durante o dia era representante de um empresa de bebidas e a noite continuava trabalhando como moto entregador para uma lanchonete da cidade. Estava indo exatamente para uma entrega no bairro Antônia de Souza Barbosa quando foi atingido pelo Veículo Toyota Corolla.

Com a violência do impacto o corpo de Samuel foi lançado para fora da pista com um dos braços e um pé amputados com o choque. A moto ficou completamente destruída.

Na cena do crime apenas o veículo Corolla foi localizado após parar cerca de 100 metros do ponto de colisão depois de bater e derrubar um poste de iluminação e uma arvore. O braço da vítima foi encontrado ao lado do Corolla. O HB 20 fugiu, mas foi identificado e seu motorista preso hoje.

Rony passou por audiência de custódia na tarde desta quarta feira no fórum de Rio Brilhante. Logo depois será transferido para o presídio local. Fláviano também teve a prisão decretada pela justiça.

Durante a madrugada de Domingo o veículo Corolla foi incendiado por desconhecidos

No dia do acidente Policia Militar, Policia Civil e Pericia Técnica estiveram no local

Enterro do jovem reuniu centena de pessoas e moto entregadores

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MAIS LIDAS DA SEMANA